Voltar para a listagem de postagens

Cracóvia tem Santuário dedicado a João Paulo II. Conheça!

Cracóvia é a cidade mais visitada da Polônia, grande parte, infelizmente, por sua história manchada pelo nazismo. Mas também é bem verdade que de uns anos pra cá, a vida de São João Paulo II vem permeando a cidade onde o santo viveu com novos olhares.

Um primeiro exemplo é o aeroporto internacional João Paulo II que dá às boas vindas aos turistas dessa importante cidade polonesa.

Desde 2013, Cracóvia ganhou o Santuário João Paulo II, que abriga também o Instituto São João Paulo II, com um centro de voluntariado, a Casa do Peregrino, um centro de retiros espirituais, um anfiteatro, uma Via Sacra ao ar livre, um centro de reabilitação e um parque de meditação e recreação. Além da torre de observação com uma vista bem bonita dos arredores.

A construção teve início em 2008 nas instalações da antiga fábrica que pertencia a uma empresa química onde Karol Wojtyla trabalhou no período da Segunda Guerra.

O Santuário tem dois níveis. Na parte superior, uma igreja. Na inferior, um espaço com várias capelas e relíquias do Papa, dentre elas uma bem especial: um recipiente com uma amostra do sangue de João Paulo II doada pelo hospital Gemelli, de Roma, quando lá esteve internado. Na mesma capela da relíquia, uma lápide feita em mármore branco também chama a atenção. Foi nela que o corpo do pontífice ficou até sua beatificação.

Também no Santuário, um expositor mostra aos visitantes a roupa usada pelo pontífice quando sofreu um atentado, em 1981, na praça São Pedro

À esquerda, a relíquia com o sangue do Papa e à esquerda, a roupa que ele usava durante o atentado. Fotos: Letícia Ferreira.

A decoração do Santuário é muito bonita, moderna, toda feita em mosaicos e com imagens que retratam cenas da vida de João Paulo II e também bíblicas, que tiveram relação com a vida do santo. No mosaico do altar, por exemplo, três anjos representam a Santíssima Trindade e há uma imagem de João Paulo II mais jovem. 

Além de visitar o Santuário, em Cracóvia, é possível conhecer outros locais que marcaram a vida de João Paulo II: o Palácio Episcopal, onde ele morou, a Igreja de São Florian, onde foi vigário, a Igreja Franciscana, onde João Paulo II gostava de rezar, a Rua Franciscana com a famosa janela onde costumava aparecer para saudar as pessoas e a Universidade Jagiellonian, onde lecionou teologia após a Segunda Guerra.

A 5 horas de Cracóvia, também é possível visitar Wadowice, cidade natal de São João Paulo II que contempla a casa da sua família, um museu, a igreja onde foi batizado e muito mais.  

Embarque com a Unitur para conhecer Cracóvia e a Polônia! Vamos percorrer juntos os lugares por onde viveu João Paulo II! 

 

 

Entenda por que Petra é uma cidade de tirar o fôlego!

Localizada a cerca de 3 horas e meia da capital Amã, Petra é linda a ponto de tirar o fôlego, literalmente, sendo hoje o principal cartão postal da Jordânia. Não há uma data certa para o início de sua existência, mas a cidade de Pedra teve uma época de auge econômico, no século I a.C. […]

Leia mais

Do manto do índio aos olhos da Virgem, entenda os mistérios do milagre de Guadalupe

No dia 9 de dezembro de 1531, o índio Juan Diego afirmou ter visto uma aparição de Nossa Senhora, nos arredores da Cidade do México. Juan Diego foi até o bispo para contar o que havia acontecido e que a virgem pedira a construção de uma capela em sua homenagem. O bispo escutou, mas pediu […]

Leia mais

Lanciano: a cidade do milagre eucarístico mais antigo do mundo!

Numa manhã de domingo na cidade de Lanciano, na Itália, ao celebrar a missa, um monge de São Basílio questionava interiormente o Sacramento da Eucaristia e a consubstanciação do pão e do vinho. No momento da consagração, era meados do século VIII, eis que o pão se transformou em um pedaço de carne humana e […]

Leia mais

Vivências

Assine nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades!