Central de atendimento
+55 (51) 3272.3388
WhatsApp
+55 (51) 98183.9051

Cotação Grupos
Atualizado em 07/08/2020 Dolar R$ 5,58
Euro R$ 6,60

BLOG

de ,
Compartilhe
FacebookTwitterEmail

Delfos, na Grécia: um encontro com a cultura antiga

Uma lenda antiga muito bonita diz que Zeus, com o intuito de definir o centro da Terra, enviou duas águias de extremos opostos do mundo, uma em direção a outra. De acordo com a história, as águias se encontraram em Delfos, e a cidade recebeu o apelido de “umbigo do mundo”.

Mas Delfos também é famosa por seu oráculo, o Oráculo de Delfos, que transformou a cidade em um verdadeiro centro de espiritualidade, mas que teve consequências diretas na política e na economia da Grécia já que muitas guerras foram influenciadas pelas previsões do oráculo.

A história do oráculo de Delfos

Para compreender toda a beleza e importância da cidade de Delfos, é preciso mergulhar em suas histórias com lendas e deuses. Afinal, era assim que os povos antigos explicavam o mundo e a natureza e também como vivenciavam a espiritualidade.

Diz a história que Delfos pertencia à Gaia, a deusa que representava a Terra e era guardada por sua filha, a serpente Píton. Apolo, deus do sol, da música e da medicina teria assumido o controle de Delfos após matar Píton. Apolo teria jogado os restos mortais de Píton no subsolo de Delfos e, por isso, a cidade começou a exalar vapores com poderes proféticos. Naquele tempo, as profetisas inalavam os vapores de Delfos e respondiam às perguntas de quem as consultava. Grandes nomes da época como Alexandre, o Grande e até mesmo Sócrates, estiveram em Delfos para consultar o oráculo.

O que ver em Delfos

O sítio arqueológico de Delfos é dividido em dois santuários, o de Apolo e o de Atenas. Além das ruínas e da importância histórica, o local também possui uma natureza exuberante, com o Monte Parnasso ao fundo.

Dentre as atrações estão o Templo de Apolo, ou a terceira construção dele com ruínas que datam de 300 a.C (o primeiro teria sido construído no século VII a.C). Era exatamente nesse lugar que aconteciam as previsões do oráculo.

O passeio continua pelo Anfiteatro, de 400 a.C e ainda muito bem conservado, que abrigava cerca de cinco mil pessoas para os espetáculos e também era utilizado durante os jogos píticos, que aconteciam de quatro em quatro anos. A próxima atração é inclusive o estádio, também utilizado para os jogos.

Leia também: Ilhas Gregas, um destino dos sonhos!

Atenas antiga e atual: um passeio cheio de história e modernidade

Em uma segunda região, o passeio continua pelo Templo de Atenas. A primeira construção nesse caminho é o ginásio, onde os jovens gregos recebiam ensinamentos básicos e militares. E logo após, o Templo de Atena, um dos cartões postais de Delfos.

Além das visitas externas, outra atração que vale muito a pena na cidade é o Museu Arqueológico de Delfos. Nele, é possível observar, por exemplo, a Auriga de Delfos, uma escultura em bronze que premiou uma importante vitória nos jogos Píticos do ano de 478 a.C!!

Embarque com a Unitur e venha conhecer de perto as maravilhas da Grécia e da cidade de Delfos.

Nossos pacotes contam com toda a comodidade, segurança e conforto para você