BLOG

de ,
Compartilhe
FacebookTwitterGoogle+Email

Lago Titicaca: uma imensidão azul cheia de tradições

Na divisa entre o Peru e a Bolívia, está o famoso e curioso Lago Titicaca.

Com 8.300 km2 e a 3.821 metros acima do mar, é o maior lago da América do Sul, já que o Lago de Maracaibo, na Venezuela, apesar de maior extensão, tem uma ligação com o mar e por isso é mais considerado uma baía.

Titicaca e sua imensidão guardam mistérios milenares. Aos pés dos Andes, de acordo com as lendas andinas, o lago teria sido o berço da civilização inca.

Foi ali que o deus Sol instruiu seus filhos, Manco Capac e Mama Ocllo que encontrassem um local ideal para seu povo. Descobriram então uma ilha, mais tarde batizada de Isla del Sol.

As ilhas flutuantes do Lago Titicaca

Até hoje, o Lago Ticicaca é habitado por povos descendentes dos Incas, como os Uros.

Vivendo da pesca, da agricultura e do turismo, eles habitam as famosas ilhas flutuantes feitas de totora ou junco, uma espécie de palha que cresce à beira do lago.

Ali, mantêm costumes antigos como a língua aymará, as oferendas à Cota Mama (divindade da água), trajes com cores, estampas e ornamentos que indicam seu estado civil, além de culinária local e festas típicas.

Para conhecer as ilhas, os turistas podem embarcar em pequenos barcos também feitos de totora, com a possibilidade de passar a noite nas ilhas e fazer uma imersão na cultura local.

A cidade mais próxima ao lago, pelo lado do Peru, é Puno. Dali já é possível ter uma vista estonteante do Lago Titicaca e da Cordilheira dos Andes, além de respirar os ares da tradição dos povos incas.

Diante dessa imensidão azul todos os problemas ficam pequenos e a vida ganha um novo sentido.

Embarque com a Unitur nesta viagem incrível!